Revista Leituras Cristãs

Conteúdo cristão para edificação

A Esperança Cristã – Uma panorâmica didática da Profecia (3.b)

A ESPERANÇA CRISTÃ

UMA PANORÂMICA DIDÁTICA DA PROFECIA – (3.b)

 

AS BODAS DO CORDEIRO

“Esta revelação, diante do tribunal, acontece antes das Bodas do Cordeiro?”

“Sim, e não pode ser diferente; é a interpretação do Ap. 19,7-8:

“Pois são chegadas as Bodas do Cordeiro, cuja esposa a si mesma já se ataviou, pois foi-lhe dado vestir-se de linho finíssimo, resplandecente e puro; pois que o linho finíssimo são as obras de justiça dos santos. ” Tendo sido manifesta ante o tribunal, ela foi preparada para isso; pois ali é que se manifestou quais são os atos de justiça dos santos.”

“E qual é o segundo requisito para as Bodas do Cordeiro?”

“Quando a Igreja estiver no céu, haverá na terra uma igreja aparente, nominal, que aqui ficou, e que afirma ser a verdadeira noiva de Cristo. Esta igreja falsa, que é descrita em Ap 17 e 18, tem antes de tudo, as características da Igreja Católica Romana. Veja Ap 17, 4­6.9; 18, 3.9-16. Ela afirma ser a igreja-mãe, a verdadeira, a noiva do Cordeiro, mas é, na verdade, chamada de prostituta, por causa de suas ligações adúlteras com o mundo, e por suas idolatrias. Veja cap. 17,1-3.5. Imediatamente, após Deus ter envergonhado as suas aleivosas jactâncias e tê-la julgado (17,15-19; 18,5), acontecerá, no céu, o casamento, e a verdadeira noiva se tornará a esposa do Cordeiro.”

“Poderá ainda haver algum crente fiel nesta Igreja falsa?”

“Não, pois a totalidade da Igreja já foi antes arrebatada. Alguns há que pensam que somente uma parte da Igreja será arrebatada, (por exemplo, a parte dos crentes que esperam fielmente a Sua Vinda), por

[js-disqus]